Vai tirar o papel de parede? Aprenda em 5 passos

3 minutos de leitura

Está pensando em trocar o seu papel de parede?

Separamos algumas dicas que irão facilitar muito sua vida para realizar esta tarefa que pode parecer muito trabalhosa, mas é mais simples do que você imagina.

Se a sua aplicação foi realizada de maneira correta, ele vai sair muito facilmente. Se não foi o caso, não se desespere, acompanhe este post e veja como resolver.

Enquanto confere nossas dicas, aproveite para ver uma seleção de papéis de parede de tirar o fôlego!

Como tirar o papel de parede e escolher um novo em 5 passos

Papel de parede

Sandra Pompermayer

1- Descasque o papel de parede

Quando o papel de parede já é antigo, ele pode estar com as pontas soltando, o que por um lado é bom, pois você pode começar a tirá-lo só puxando.

Com a ajuda de uma espátula, você fará este trabalho em menos tempo.

A raspagem pode ser feita tanto na vertical como na horizontal, mas é muito importante tomar cuidado para não arranhar a parede.

Se o papel anterior era muito cheio de detalhes ou uma estampa muito marcante, opte por algo mais neutro desta vez para não enjoar dele muito rápido.

Papel de parede

Isabela Lavenere Machado

2- Utilize bastante água

Por mais desgastado e solto que o seu papel de parede esteja, pode ser que você não consiga removê-lo por inteiro só puxando.

Para ajudar, borrife um pouco de água ou utilize um vaporizador, isso facilitará ainda mais o processo.

Papel de parede

Gabriel Valdivieso

3- Lavagem da parede

Depois de retirar todo o papel, pode ser que restem alguns resíduos na sua parede.

Por isso, é necessário lavar a extensão onde ele estava para  tirar qualquer resquício da cola.  Os produtos ideais para fazer isso você já tem em casa: esponja e água.

Fazer isso é muito importante pois para fazer uma nova aplicação de papel de parede ou de tinta, não pode restar nenhum resíduo em sua parede.

Papel de parede

Cassia Giacomazzi

4- Produtos específicos

Se por acaso restar cola ou sujeira na parede, utilize um removedor de papel de parede em gel. Aplique, espere fazer efeito e depois remova.

5- A escolha de um novo papel de parede

Como foi dito no início do texto, escolher um papel de parede muito estampado e colorido pode ser arriscado, pois fica mais fácil se cansar de elementos marcantes assim.

Para escolher um novo revestimento, tenha muito critério. Além da estampa, existem outras questões que devem ser levadas em conta, como o tipo do papel.

Papel de parede

Idealizzare Arquitetos

Tipos de papel de parede

Removível

Este tipo de papel tem muita qualidade. Para tirar, basta puxar pela ponta. É o tipo ideal porque não dá nenhum trabalho para ser retirado.

Normalmente é de qualidade superior e é mais sofisticado, portanto, mais caro.

Destacável

Este modelo possui duas camadas, uma que ficará colada na parede e outra que não entra em contato com ela.

Para retirar é um pouco mais trabalhoso, pois é necessário primeiro retirar essa camada mais superficial e depois destacar a segunda no método tradicional: água, bucha e espátula.

Papel de parede

Claudia Comparin

Tradicional

Este papel de parede é o que mais dá trabalho de retirar. Mas, dependendo da estampa, talvez você se apaixone por ele. Só lembre-se do trabalho que vai dar na hora de remover!

Escolha um novo papel de parede com base na estética, mas não se esqueça de levar em conta a praticidade!

Papel de parede

Tetriz Arquitetura e Interiores

A melhor dica de todas é programar-se. Uma boa escolha na hora da compra de um papel de parede é verificar como é o método de retirada dele.

Mas se você não é tão preocupado com o que virá pela frente, dê mais atenção à estampa e mãos à obra!

Se você conseguiu agregar todos esses itens e gostou da estética, ótimo! Você conseguiu planejar tudo para facilitar mais para frente.

Estas dicas para tirar e escolher um papel de parede foram criadas pela equipe Viva Decora.

.