Morar em Búzios: trabalhar com turismo é uma boa opção?

6 minutos de leitura

Se você está pensando em morar em Búzios, o Estado do Rio de Janeiro, repleto de belezas naturais e riqueza cultural, destaca-se como principal reduto de turismo no Brasil, junto com o Nordeste e a Floresta Amazônica. Dentre sua famosa faixa litorânea, uma cidade que antes era conhecida por ser uma pequena vila de pescadores passa a chamar atenção da mídia internacional. Hoje, Armação dos Búzios é chamada de “Torre de Babel” por reunir turistas de diversos cantos do mundo.

O turismo em Búzios é o principal segmento econômico da cidade e mobiliza grande parcela da população. A cidade de 30 mil habitantes por si só é um paraíso. Porém, em tempos de crise, ela também oferece grandes oportunidades de emprego e negócios. Se você está pensando em comprar casas em Búzios e ainda tem dúvidas quanto questões de empregabilidade e abertura de empresas, precisa ler esse post para conhecer mais sobre as oportunidades que a cidade apresenta!

Breve História do Turismo em Búzios 

A origem do turismo em Búzios como conhecemos nos tempos modernos vem da década de 60, quando ainda era uma pequena vila de pescadores. Devido suas belezas naturais, começou a chamar atenção da elite carioca e paulista, que passou a frequentar a temporada de férias de verão na vila.

Os veranistas mais famosos da região não passavam suas férias sozinhos, e com isso amigos ilustres, incluindo políticos e artistas estrangeiros, começaram a despertar interesse por aquele paraíso escondido. O ápice de sua fama foi quando a estrela francesa Brigitte Bardot instalou-se na cidade com seu namorado da época. A partir de então, a imprensa mundial direcionou sua atenção para a vila e não desviou até então.

Na década de 70, a partir do investimento em obras que passaram a facilitar o acesso à Búzios, em especial a ponte Arthur da Costa e Silva, que liga Rio de Janeiro e Niterói, e a Estrada Bento Ribeiro Dantas, o turismo de veraneio se tornou ainda mais popular na região.

O turismo de verão hoje

Apesar de receber turistas do mundo todo durante os 365 dias do ano, a sazonalidade é marca registrada do turismo local. A alta temporada começa a partir do Natal e estende-se até depois do Carnaval. O verão de Búzios é tão conhecido que já houve casos de superlotação a ponto da Secretaria de Turismo decretar o “fechamento” da cidade para turistas que não tivessem hospedagem garantida.

No princípio, os principais turistas vinham de regiões próximas, como São Paulo e outras localidades do Rio de Janeiro, mas com o tempo, os estrangeiros tomaram conhecimento da cidade e passaram a frequentar suas férias na região. Os primeiros estrangeiros que descobriram o charme de Búzios foram os franceses e americanos, muito impulsionados pela mídia internacional e pela Bardot mania. Hoje, destaca-se também a presença de turistas advindos dos países da América Latina, como argentinos, uruguaios, paraguaios e colombianos.

As oportunidades econômicas

Se você tem como objetivo se instalar na cidade, saiba que existem diversas oportunidades nos setores imobiliário, de hotelaria e ecoturismo. Há também mercado para abertura de negócios estratégicos, ainda que alguns setores estejam saturados na região.

O mercado imobiliário é muito forte na região, a ponto de existirem regiões de condomínios que costumam ficar vazias fora da temporada pois são destinadas, em sua grande maioria, para residência de uso temporário no verão. Muitos dos moradores garantem parte da renda colocando suas próprias casas para alugar em Búzios, com foco especial para famílias de classe média ou grupos de jovens.

No ramo de hotelaria e hospedagem, existe uma variedade de estabelecimentos de portes e níveis de conforto diferentes. Para quem quer comprar casas em Búzios, investir em uma estrutura de maior porte que pode ser transformada em hostel ou pousada é uma boa iniciativa. Já quem tem experiência no ramo de hotelaria pode encontrar boas oportunidades de emprego ou ofertar serviços adjacentes, como spa, massagem, salões de beleza, academias para turistas entre outros.

Dentre as oportunidades de investimento em atrações turísticas na região podemos dividir as oportunidades “em terra” e “no mar”. As atividades terrestres incluem organização de trilhas e caminhadas ecológicas, mountain bike, jeep tour, passeio de quadriciclo, cavalgadas e golf. Já as atividades marítimas mais comuns são mergulho (apnéia ou cilindro), passeios de escuna, surf, jet ski, windsurf e rapel.

O comércio também pode apresentar boas oportunidades, se realizado um estudo de mercado de qualidade na região. Vale destacar que alguns serviços já estão bastante saturados, logo, investir em algum nicho específico que ainda não tenha sido tão explorado é a melhor saída para garantir bons lucros.

Como se adaptar ao ambiente?

Em uma pesquisa da Universidade Federal Fluminense com moradores e turistas de Búzios, foi identificado que a população muitas vezes é mal qualificada para atuar no turismo, visto que a prefeitura não oferece cursos de capacitação ou incentiva a instalação de escolas profissionalizantes e universidade na cidade. Isto acaba prejudicando o setor pois há falta de método e conhecimento, principalmente referente à comunicação em língua estrangeira, para atender os turistas.

Além disso, grande parte do comércio é dominado por imigrantes, em sua maioria estrangeiros, que já possuem habilidade em suas línguas nativas, em especial o inglês e o espanhol. Logo, a competição entre moradores locais e comerciantes estrangeiros oferece grande vantagem aos estrangeiros.

Para que o seu plano de negócio seja bem sucedido ou que boas oportunidades de emprego estejam disponíveis para você, além das dicas já comentadas anteriormente, uma boa formação em turismo e a busca constante pelo aperfeiçoamento da língua estrangeira são grandes diferenciais. Dentre as habilidades mais importantes a serem adquiridas com esse tipo de formação estão as habilidades em vendas e em língua inglesa, principal comunicação entre turistas do mundo todo.

Como a correria do dia a dia nos impossibilita de estudar inglês presencialmente, devemos buscar o melhor curso de inglês online que acharmos. Por isso, o blog Ei Imóvel recomenda os cursos da Sunnyside. Com metodologia diferenciada e aulas particulares ao vivo, o curso da Sunnyside te oferecerá uma formação completa na língua.

.